Quanto Cobrar Pelo Trabalho de Marketing Digital?

Quanto cobrar no trabalho de marketing digital

Quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital

Saber quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital é um dos principais desafios que os freelancers desta área encontram, e neste artigo vamos mostrar um método para que você possa se orientar.

A verdade, como você vai ver, é que não existe uma fórmula única para definir esta questão. Estabelecer um valor fixo, como se pudéssemos criar uma “tabela de preços” seria uma verdadeira temeridade.

Como cada trabalho possui características específicas, que requerem diferentes níveis de habilidades, determinar um valor fixo para o trabalho de marketing digital, simplesmente não é uma opção.

Definir de maneira clara a precificação do trabalho de marketing digital é fundamental, principalmente para o freelancer, e precisa ser muito bem analisada, principalmente para que você se posicione na hora de fazer uma proposta.

Um dos maiores erros de um freelancer é justamente não conhecer os seus números. Por isso saber quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital é um dos passos mais importantes para que você possa fazer propostas realistas e competitivas.

Neste artigo vamos mostrar o passo a passo para ajudar você a determinar o quanto cobrar pelo trabalho em marketing digital, dividindo este processo nas seguintes etapas:

Você verá que seguindo este passo a passo, poderá definir de forma muito precisa e justa o valor que você deverá estabelecer para as diversas oportunidades de trabalho apresentadas aqui no Marketing Job.

Veja quanto cobrar pelo serviço de marketing digital

Vejamos então cada um dos itens listados anteriormente, para que você possa saber o quanto cobrar pelo serviço de marketing digital de forma precisa e realmente profissional.

1 – Estabelecendo as premissas básicas do cálculo

O primeiro passo para determinar o quanto você deve cobrar pelo trabalho como freelancer de marketing digital, é determinar as suas premissas básicas para este cálculo. Este na verdade é um ótimo exercício, para quem deseja iniciar uma carreira como freelancer profissional.

São informações pessoais que envolvem a sua disponibilidade de tempo e a remuneração que deseja receber pelo seu trabalho. Não estranhe as perguntas, pois você verá que no cálculo final, elas fazem todo sentido.

  • Quantas horas por dia você trabalhará em seus projetos de marketing digital?
  • Quantos dias por semana você pretende trabalhar?
  • Quantos dias de férias você deseja tirar por ano?
  • Quanto você deseja ganhar mensalmente com o seu trabalho?

Para que estas informações todas? Simples, para saber o número de horas efetivas que você irá trabalhar por ano e o quanto você quer ganhar com o seu trabalho. Como saber quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital sem essas premissas básicas?

O insumo básico de um profissional freelancer é o seu tempo e o valor que deseja receber por este tempo trabalhado. Por isso, saber quanto vale a sua hora de trabalho é tão importante.

Quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital

2 – Identificação de seus custos fixos e variáveis

O segundo passo para determinar quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital é calcular os seus custos fixos, ou seja, aqueles que você incorrerá independentemente do volume de trabalho que você tiver, os custos do dia a dia, como por exemplo:

  • Aluguel, se você não trabalhar em um home office
  • Sinal de Internet
  • Telefone fixo e celular
  • Ferramentas de marketing digital de uso contínuo

Some todos estes valores, para que possamos então calcular o percentual de custos fixos que estará embutido em cada projeto. Para fazer este cálculo é simples. Divida o valor total dos custos fixos pelo valor que você deseja ganhar líquido por mês.

Poe exemplo. Se você deseja ganhar R$ 10 mil líquidos por mês e tem custos fixos de R$ 1,5 mil, ser percentual de custo fixo sobre cada trabalho será de 15%.

3 – Definição dos custos variáveis de cada projeto

Como disse no início, não existe resposta única para pergunta sobre quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital, pois cada cliente tem necessidades específicas, e é aí que estram os custos variáveis na hora de decidir quanto cobrar por cada projeto.

Entre os custos variáveis temos:

  • Mão de obra terceirizada caso seja necessária
  • Ferramentas específicas para o projeto
  • Custo de mídia paga previsto

Este é um custo que deverá ser acrescentado ao cálculo final do projeto, por isso é importante analisa-lo muito bem antes de apresentar uma proposta.

4 – Calculando os seus impostos

Este é um custo que muitos freelancers que estão iniciando costumam se esquecer de levar em conta durante o processo de precificação do trabalho de marketing digital, mas que tem um impacto gigantesco no resultado final.

O valor do imposto cobrado pelo trabalho de marketing digital vai depender da forma como você trabalha e do enquadramento fiscal ao qual está submetido.

Para o freelancer, com um faturamento médio mensal de R$ 6,75 mil, a melhor opção é se cadastrar como Microempreendedor Individual, pois a carga tributária é bem menor.

Para saber mais detalhes sobre este assunto, recomendamos que você leia o nosso artigo Por que o freelancer deve se tornar um MEI, publicado anteriormente em nosso site.

Quanto cobrar pelo serviço de marketing digital

5 – Calculando quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital

Depois de apurar os valores de todos os custos citados anteriormente, é hora então de calcular quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital de um freelancer.

O processo é bem simples:

  1. Analise muito bem o projeto e calcule o tempo médio que você irá precisar para executá-lo, desde o planejamento a implementação final;
  2. Com base neste número de horas, calcule quanto vai custar a sua mão de obra especificamente, que de certa forma, será a sua margem de lucro;
  3. Some a este valor, o percentual de custos fixos da sua estrutura, calculado no segundo item do nosso roteiro;
  4. Acrescente a este último valor, os custos variáveis que você calculou no terceiro passo, tomando sempre cuidado de fazer uma estimativa precisa destes números.
  5. Sobre este último número, calcule a alíquota de imposto em que você está enquadrado como pessoas física, ou o rateio do seu imposto mensal como MEI;
  6. Some o valor do imposto ao número obtido no quarto item e pronto, esse será o valor a ser cobrado do cliente.

Uma dica que eu sempre dou aos participantes dos nossos cursos de marketing digital na Academia do Marketing, é sempre acrescentar um valor a mais, para que possa ser negociado com o cliente. Afinal de contas, o brasileiro adora pechinchar, não é mesmo?

6 – Apresentação da proposta de trabalho

Minha dica final sobre quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital diz respeito à apresentação de um projeto de grandes proporções, daqueles em que se sai do zero mesmo.

Neste caso, o ideal é dividi-lo em duas fases distintas:

  • Fase Onboarding – É a fase que diz respeito à criação da estrutura em si, como a criação do site da marca, criação de perfis e páginas nas redes sociais, configurações de ferramentas de marketing e outros.
  • Fase Ongoing – É a etapa que envolve os processos contínuos que serão realizados de forma continuada, como campanhas de links patrocinados, publicações nas mídias sociais, e-mail marketing e outras.

Esta é uma forma bem interessante de determinar valores de forma clara, que deixa a estrutura de custos mais clara para os seus clientes.

Ufa! Calcular quanto cobrar pelo trabalho de marketing digital dá um certo trabalho, não acha? Para ajudar você nesta tarefa, vamos disponibilizar em breve uma ferramenta para ajudar você nesta tarefa. Mantenha-se informado assinando a nossa Newsletter.

Por Alberto Valle, diretor e instrutor da Academia do Marketing

Freelancer, Marketing Digital

Deixe uma resposta